Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

CAPA DO BLOG

FAVORITA DO DIA

FAVORITA DO DIA

domingo, 28 de agosto de 2016

VIDA PARALELA CAP. 6


O LIVRO DE ENOQUE
Capítulo 1-
 1 As palavras das bênçãos de Enoque, com as quais ele abençoou os eleitos e os justos, os quais devem existir nos tempos da tribulação, rejeitando toda iniqüidade e mundanismo. Enoque, um homem justo, o qual estava com Deus, respondeu e falou com Deus enquanto seus olhos estavam abertos, e enquanto via uma santa visão dos céus. Isto os anjos me mostraram. 2 Deles eu ouvi todas as coisas e entendi o que vi; coisas que não terão lugar nesta geração, mas numa geração que deve acontecer num tempo distante, por causa dos eleitos. 3 A respeito deles eu falei e conversei com Ele, o qual virá de Sua habitação, o Santo e Poderoso, o Deus do mundo: 4 O qual pisará sobre o Monte Sinai; aparecerá com Suas hostes e se manifestará com a força do Seu poder dos céus. 5 Todos estarão temerosos e as Sentinelas estarão aterrorizados. 6 Grande temor e tremor se apoderarão deles, mesmo aos confins da terra. As alturas das montanhas serão abaladas, e os altos montes serão abatidos, derretidos como o favo de mel na chama de fogo. A terra será imersa e todas as coisas que nela estão perecerão; enquanto julgamento virá sobre todos, mesmo sobre todos os justos: 7 Mas a eles será dada paz: Ele preservará os eleitos e para com eles exercitará clemência. 8 Então todos pertencerão a Deus, serão felizes e abençoados, e o esplendor da Divindade os iluminará.
Vê-se claramente aqui a intenção de aterrorizar e amedrontar as pessoas e assim torná-las dóceis para serem dominadas. Não há como ignorar o fato de que inúmeras evidências tornam claro que fomos sim visitados por seres de outros planetas. No episódio do êxodo, quando os Judeus foram expulsos do Egito, libertos da escravidão a que eram submetidos pelo povo egípcio, foram socorridos em sua longa travessia pelo deserto de Sinai, por naves que despejavam dos céus, algas verdes com que se alimentavam. Para eles, só poderia ser obra de um Deus, que lhes provia o Maná, como chamavam as algas.
No livro de Enoque fica claro que ele se refere a ele, como um ser supremo, talvez o comandante de uma expedição alienígena que possuía tecnologia mais avançada do que as que possuímos hoje com todo o avanço tecnológico dos últimos anos. Por tudo o que li e pesquisei, me parece que tal expedição pretendia dominar a terra e para tanto, precisavam fazer demonstração de poder e aterrorizar os humanos, com demonstrações de mágicas incompreensíveis para a época.
Então, para os judeus, havia nos céus, um Deus poderoso e implacável que castigaria a todos os que ousassem desobedecê-lo.
Quando chegaram a Israel, os judeus então assumiram a tarefa de glorificar este deus e torná-lo a mola mestra de uma crença que ainda nos dias de hoje aterroriza pessoas de todas as camadas sociais. Por alguma razão desconhecida estes alienígenas voltaram para seus planetas de origem e desistiram do projeto inicial ou talvez estejam de volta em breve.
Não parece estranho que Deus só tenha se manifestado publicamente e interagido com humanos há 3000 anos atrás e nunca mais foi viso ou ouvido?

Somente se tivermos meios, para viajar no tempo e voltar ao passado. teremos como explicar todos os mistérios que envolvem civilizações antigas e assim esclarecer todas as duvidas.

Hoje ainda ministros religiosos usam a palavra, (escolhidos) para que as pessoas se sintam levadas a qualquer sacrifício pra constar na gloriosa lista.
Se tudo afinal não passa de antimatéria, com uma passagem pela dimensão material, necessária, a ideia de um deus, não faz o menor sentido, posto que num universo com mais de 15 bilhões de anos de existência, não caberia um deus, tão somente preocupado com míseros terráqueos. Além disso a descoberta de inúmeros universos paralelos e outras 11 dimensões desconhecidas em sua maior parte, nos coloca em uma posição de um pequeno grão de areia, tão pequeno que nem Deus mesmo dispondo de uma imensa lupa celestial poderia localizar.
Lauro Winck
No próximo capitulo, vamos explorar a origem dos chamados mistérios.




Nenhum comentário: