Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

CAPA DO BLOG

FAVORITA DO DIA

FAVORITA DO DIA

domingo, 21 de agosto de 2016

VIDA PARALELA CAP..5



DEUSES E DEMONIOS
                É inadmissível que em pleno século 21, a humanidade permaneça atrelada a um livro escrito a 3 mil anos atrás. Desde os primeiros passos na terra, o homem atribui a um deus todos os fenômenos para os quais não encontra explicação. A 3 mil anos atrás, surgiu um livro supostamente ditado por Deus, mas não se sabe a quem ou quais seriam seus autores.

Em suas centenas de páginas, claramente percebe-se o objetivo de fazer com que as pessoas se sintam culpadas, desde o famigerado pecado capital, segundo o clero, algo herdado do pecado cometido por Adão e Eva. Claro que para livrar-se de suas culpas, todos precisam redimir-se perante um Deus. Mas, os milhões de formas de vida que habitam o planeta, sem exceção nasceram com sistemas reprodutivos sem os quais não haveria reprodução. Onde está então o tal pecado? O livro, cheio de contradições, não consegue esclarecer, como a humanidade multiplicou-se a partir de 2 filhos homens gerados pelo único casal habitante então do planeta? Eu poderia me estender sobre este tópico, apontando centenas de outras contradições. Mas meu objetivo não é este.

Por outro lado, a ciência começa a recuar em sua teoria de que a vida é apenas biológica e que tudo acaba quando você morre. No entanto os últimos experimentos possíveis graças a capacidade dobrada do grande colisor, começa a mostrar uma outra realidade, onde dezenas de novas partículas começam a apontar uma nova e desconhecida física, que abre um leque de novas interpretações. Claro está que o modelo padrão com suas 17 partículas conhecidas, sede lugar a uma nova interpretação na busca incansável de explicar tudo o que existe no universo.

A possibilidade da existência de 11 dimensões e de inúmeros universos paralelos, começa a apontar também para o fato de que nossas leis físicas não são apenas as que compõe o nosso dia a dia. Desde que se descobriu a existência da antimatéria, nome dado pelos cientistas à nossa cópia hipersimetrica, surgem novas possibilidades. Novas e ainda desconhecidas partículas apontam para um universo ainda muito mais complexo do que até então imaginávamos. Deuses e demônios, não cabem aqui e tudo o que até hoje não foi explicado, começa a mostrar-se em sua simplicidade lógica.

Comecei a especular sobre minha teoria, a partir de tentar entender a lógica de coisas, como a antimatéria, suas características e porque a necessidade de ser invertida, ( espelhada ).
Claro está que deve existir uma explicação lógica para tal evento. A partir daí, comecei a comparar cada nova descoberta aos fenômenos que até então não conseguíamos explicar, mas que fazem parte de nosso dia a dia e não podem ser ignorados. Cheguei a conclusão de que cada um desses grandes mistérios podem ser esclarecidos na medida em que avancemos e nossas pesquisas. A tão sonhada vida eterna, pode sim existir paralelamente, durante nossa existência física e continuar sua jornada após a nossa morte, mas, com um evento natural sem deuses e demônios.

No próximo bloco vamos analisar os principais eventos misteriosos cujas explicações podem surgir a partir daqui.

Lauro Winck

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

VIDA PARALELA CAP.4


MUITO ALÉM DA TERCEIRA DIMENSÃO
Quando os pesquisadores achavam que tinham o modelo padrão e suas 17 partículas definido e seriam em breve capazes de explicar tudo o que existe no universo, eis que ao dobrar a potência do grande Colisor de Hádrons (LHC) , surpreenderam-se com uma nova e inesperada noticia. Existem mais partículas e algumas com comportamento inesperado como o Pentaquark. Isto me leva a supor, que além das dimensões paralelas que proponho, possam haver mais. No nosso universo material, conhecemos até agora apenas 3. Isto é: Altura, largura, profundidade. Mas, a física quântica aponta para a existência de 11 dimensões.

Se, paradoxalmente, nascemos em um universo material e ao mesmo tempo em uma segunda dimensão imaterial, podemos agora supor que, como temos aqui nossa conhecida existência tridimensional, ela esteja presente também no mundo da antimatéria, mas isso não anula a possibilidade de que existam lá, outras dimensões das quais nem suspeitamos.

Quem vive a sonhar com o céu, um paraíso afrodisíaco, ou algo assim, poderá ter uma surpresa ao constatar que nada mudou. O mundo é o mesmo, apenas as coisas parecerão estranhas, porque aquela velha casa em que você morou, está novinha em folha, tudo conservado. Nada aqui se degrada, você encontrará entes queridos que já se foram a bastante tempo. Mas eles continuam em seus endereços originais.

Mas, o que acontecerá com as crianças que morreram prematuramente, ou que nasceram mortas? Provavelmente estarão vivas e saudáveis. Primeiro, porque os pequenos encontrarão apoio, seja de parentes já falecidos ou de entidades que existam para este fim. Podemos supor que elas continuarão evoluindo até a idade adulta e apenas terão de ser educados de uma forma diferente, pois não terão vida material.

Teoricamente a força de gravidade agirá em sentido contrário ou talvez inexista. Isto será uma experiência única, pois você jamais sentirá cansaço ou desgaste ao fazer longas caminhadas. As coisas não terão peso ou serão extremamente leves. Podemos aqui riscar todas as formas de problemas a que estamos acostumados ao conviver com a força gravitacional. Não haverá doenças, nem qualquer dos problemas que nos afetam na vida material, como a perda de membros, cegueira, surdez e enfim qualquer outro mal físico. Todos serão perfeitos, mesmo os que sofreram com tais mutilações ou doenças graves.

Provavelmente teremos novas dimensões inexistentes aqui e outros padrões de  física. Eu não descarto a hipótese de que talvez sejamos as criaturas mais antigas do universo e talvez os próprios mentores de sua formação e desenvolvimento para preencher nossa própria existência. Então a teoria de Darwin, também não faria sentido. O fato de sermos as únicas criaturas inteligentes do universo, nos coloca no topo. A faculdade de criar e talvez adaptar o ambiente ao nosso próprio interesse não está descartada.

No próximo bloco trataremos dos mitos religiosos.
Lauro Winck


sábado, 13 de agosto de 2016

VIDA PARALELA CAP. 3


E A REENCARNAÇÃO?
                Se, para nascer, nossa alma ou plasma, (nome popularmente usado para a antimatéria) precisa das leis físicas materiais, sabendo-se que a antimatéria é indestrutível, pois é imune as mesmas, supõe-se que para caber aqui a reencarnação, a alma teria que fazer o caminho inverso, isto é, desaparecer na dimensão em que se encontra, para permitir o nascimento de uma nova alma do mesmo indivíduo? Nenhuma possibilidade disso acontecer. De outra forma, um individuo com 2 almas, seria impossível. Então uma teria que ser destruída. Novamente impossível. 
Então a ideia de reencarnação, não faz nenhum sentido.
O que pode acontecer é que geneticamente, traços físicos e memórias de longo prazo possam ser transmitidos aos futuros descendentes. Isso tenderia a ser identificado como reencarnação. Simplesmente coloque-se no lugar da alma, que tem uma eternidade pela frente, livre para sempre das leis físicas terrestres que nos causam tanto mal, porque decidiria renascer e enfrentar tudo novamente? Você faria isso?

Claro que muitas questões ainda precisam ser esclarecidas. Só quem já morreu, sabe como as coisas funcionam, mas, se houvesse a mínima chance de comunicação, tais mistérios seriam facilmente esclarecidos.

Falta-nos ainda um longo caminho a percorrer até que possamos esclarecer tudo. Não sei se algum dia saberemos afinal, quando e como o nosso universo surgiu e qual exatamente sua idade.
As tais regressões a vidas passadas ou a acontecimentos ocorridos na infância, podem simplesmente acessar lembranças de longa data e ou lembranças herdadas geneticamente.

Agora voltemos para a vida sem nossas fatídicas leis físicas.
Se eu estiver certo e até aqui as pesquisas, pelo menos não me desmentem, teremos maneiras e talvez outro tipo de física ainda desconhecido a nos permitir simular ações comuns em nossa vida material. Talvez a possibilidade de transformação de materiais seja nula, mas seu uso comum possa ser simulado física ou mentalmente, já que gozaremos de 100% de nossa capacidade cerebral.
 Por outro lado, não haveria razão para preservar tudo o que criamos, se não pudermos usufruir no futuro. Os faraós do antigo Egito eram sepultados com seus bens e objetos pessoais para que pudessem utilizá-los na morada futura. Imagine o faraó chegando lá e encontrar tudo o que construiu, só que em perfeitas condições e assim permanecerão para sempre. O velho Ford Bigode que foi de seu bisavô, estar lá, com cheirinho de novo. Intacto.

Não custa especular e talvez, lembrar do que você está lendo aqui, quando chegar a hora. Talvez lhe seja útil para tentar entender a nova vida ou pelo menos aceitar mais facilmente a nova realidade.
Uma hora qualquer, chegará a minha vez. Se tudo estiver errado, minha existência, pelo menos para mim, jamais terá ocorrido, pois minha consciência terá desaparecido. Mas se houver uma segunda chance real, terá sentido, a antimatéria, a vida eterna e a eterna juventude. O resto, teremos que aprender com os que lá já chegaram entre os quais muitos ainda sem entender bem o que aconteceu, mas, novamente o que você está lendo pode ajudar. Quem sabe nos encontremos e você dirá. " Cara, você tinha razão".
Lauro Winck

No próximo capítulo vamos ver o que pode acontecer com bebês que nascem mortos ou crianças que morrem.




sábado, 6 de agosto de 2016

VIDA PARALELA CAP 2


VAZAMENTO OU RUPTURA.
Então, partimos do principio de que nascemos ao mesmo tempo em duas dimensões paralelas, mas antagônicas. Chamamos desde o capítulo anterior de "dimensão (A), o mundo antimaterial e dimensão (B) o mundo material em que vivemos e que ambos nascem paralelamente. A única razão para que a ciência ainda não tenha detectado maiores porções de antimatéria, é o fato de que os cientistas trabalham ao nível de partículas elementares até que tenham condições  de detectar outras dimensões.
Os fenômenos não explicáveis, que povoam centenas de narrativas de visões fantasmagóricas, contradizem a afirmação de que a morte é apenas biológica.
Em Setembro de 2015, eu morava na praia de Ingleses do Rio Vermelho em Florianópolis. Eu morava em um apartamento térreo de dois cômodos. Ficava no mesmo terreno da residência dos proprietários. Haviam na propriedade 3 cães. Dois de origem japonesa, ( O proprietário era japonês) e uma cadela vira-lata. Numa madrugada de quinta para sexta, lá pelas 3:00 h da madrugada, os cães e mais vários outros da vizinhança, latiam raivosamente e me acordaram com o alarido. Levantei e fui até a cozinha abri a basculante e vi claramente a silhueta de uma mulher andando em direção ao muro nos fundos da casa. Abri a porta da cozinha e sai perguntando quem era e o que queria. Não obtive resposta e vasculhei o pátio todo sem encontrar nada.
No dia seguinte, falei para a dona da casa. Ela então me disse que a moradora anterior havia visto a mesma coisa em 3 oportunidades distintas. As pessoas envolvidas, estão todas viva e residem no mesmo local.
Não havia saída para os fundos e o muro era alto, alguém que quisesse pular teria dificuldades. O portão da frente estava fechado com o cadeado.
Concluo que provavelmente, um vazamento ou ruptura bidimensional, possa ser a única explicação lógica. Obviamente não há comunicação entre as duas dimensões, porque  eu falei claramente e não houve resposta. Embora morasse ainda por 3 meses no local, tal fato não voltou a ocorrer.
Na década de 60 eu morava em Porto alegre e em 3 ocasiões distintas, minha esposa me acordou avisando que batiam no assoalho a partir de um pequeno compartimento no porão ao lado da escada da cozinha. Embora vasculhasse em todas as ocasiões, não encontrava nada, nem marcas no piso ou na madeira embaixo do assoalho. Na última ocasião, nem fui olhar, bati fortemente sobre o local das pancadas e falei bem alto! - Para! Então as batidas, tão fortes que meu pé trepidava, pararam e não voltaram a acontecer embora morasse ali ainda por vários anos.
Em mais 3 oportunidades, fatos semelhantes aconteceram sem que eu tenha encontrado uma resposta lógica.
Quando morava em Rio pardo, um amigo me mostrou uma foto de um casal feita em uma escada interna do prédio da prefeitura. Ao fundo aparece uma menina, de pé, como um reflexo em uma janela de vidro. Ocorre que tal vidro não existe e não poderia ter ninguém ali. Fomos até o local e não haveria como tal fato ocorrer, mesmo porque o casal informou não haver ninguém no local. Apenas o casal e o fotógrafo que fez a foto.
Novamente aparece o vazamento como causa provável.
O mesmo pode ser aplicado a intrigantes narrativas de visões de OVINIS e outros fenômenos que só podem ser atribuídos a vazamentos. A ciência sabe da existência de tais vazamentos entre universos paralelos, ao constatar que a força de gravidade vaza deste para outro universo.
A premissa de que a vida é apenas biológica, uma teoria predominante por muitos anos entre pesquisadores, começa a perder força, no momento em que surgem sinais de que estamos diante da descoberta do que a ciência cautelosamente chama de uma nova física. Esta nova física muda o rumo das investigações e leva pesquisadores a tentar aprofundar os esforços para avançar, lenta e penosamente. Mas eu creio que nos próximos anos, teremos grandes novidades. Até lá, vou continuar pensando que estamos batendo às portas de uma nova era em que será possível explicar todos os mistérios que nos cercam e que nos intriga desde que nascemos.
Lauro Winck
No próximo capítulo vamos tentar  imaginar a vida, sem as leis físicas da matéria.


sexta-feira, 5 de agosto de 2016

MACRO MIX

Um prato transparente e um garfo. O resto é luz e composição.


segunda-feira, 1 de agosto de 2016

WORLD OF BROWNS

 Um desafio interessante para quem ama fotografar. Compare seu trabalho ao de mais de um milhão de participantes. Obtenha reconhecimento e participe. Vote e seja votado.Gente que faz arte fotográfica ao redor do mundo. Um jogo emocionante. Confira!
https://gurushots.com/challenges/my-challenges/current
Mas, não esqueça de votar! Quanto mais você votar, mais será votado! Espero você lá!

 Neste desafio iniciado hoje, você tem 21 dias para participar.




domingo, 31 de julho de 2016

O PODER BÍBLICO

 SUPERMERCADO AQUI NO BAIRRO
Por segurança, esperei a loja fechar e fiz a foto através da vitrine.

Já publiquei sobre minha preocupação com o avanço da máfia evangélica no congresso nacional e na atividade econômica. Este supermercado, fotos acima, fica perto de onde moro e hoje pela manhã fiz umas compras rotineiras. Na saída, me dei conta de que havia uma bíblia sobre um balcão junto a vitrine, deixando claro que no mínimo a loja pertence a alguma igreja. Uma maneira de fugir aos impostos, já que igrejas, são isentas. Eles estão cada vez mais assumindo lideranças em muitos setores da economia e da administração pública. No congresso nacional, já atingem de 55 a 60% do total, no senado, e câmara de deputados, fora a administração municipal, cujos dados não tenho.
Abaixo a lista completa atualmente no congresso: ( Fonte: eleicoeshoje. com.br) 

Silas Câmara PSD – Assembleia de Deus
Irmão Lazaro – PSC – Novo Músico Batista
Márcio Marinho – PRB – Iurd
Sérgio Brito – PSD – Batista
Erivelton Santana – PSC – Assembleia de Deus
Ronaldo Martins – PRB – Iurd
Ronaldo Fonseca – Pros- Assembleia de Deus
Sérgio Vidigal – PDT – Batista
Manato – SD – Cristã Maranata
Fábio Sousa – PSDB – GO – Fonte da Vida
João Campos – PSDB – Assembleia de Deus
Lincoln Portela – PR – Batista Nacional
Leonardo Quintão – PMDB – Presbiteriana
Stefano Aguiar – PSB – Evangelho Quadrangular
George Hilton – PRB – Iurd
Weliton Prado – PT – Assembleia de Deus
Julia Marinho – PSC – Assembleia de Deus
Josué Bengtson – PTB – Evangelho Quadrangular
Pastor Eurico – PSB – Assembleia de Deus
Anderson Ferreira – PR – Assembleia de Deus
Rejane Dias – PT – Batista
Christiane Yared – PTN – Catedral do Reino de Deus
Takayama – PSC – Assembleia de Deus
Delegado Francischini – SD – Assembleia de Deus
Edmar Arruda – PSC
Clarissa Garotinho – PR – Metodista
Eduardo Cunha – PMDB – Sara Nossa Terra
Sóstenes Cavalcante – PSD – Assembleia de Deus – Ministério Vitória em Cristo
Washington Reis – PMDB – Nova Vida
Aureo – SD – Metodista
Arolde de Oliveira – PSD – Batista
Benedita da Silva – PT – Assembleia de Deus
Francisco Floriano- PR – Mundial do Poder de Deus
Marcos Soares- PR-Evangelho Quadrangular
Antônio Jácome – PMN – Assembleia de Deus
Nilton Capixaba – PTB – Assembleia de Deus
Marcos Rogério – PDT – Assembleia de Deus
Jhonatan de Jesus – PRB – Iurd
Onyx Lorenzoni – DEM- Luterana
Ronaldo Nogueira-PTB-Assembleia de Deus
Pastor Jony – PRB – Iurd
Laércio Oliveira – SD-Presbiteriana
Pastor Marco Feliciano – PSC – Catedral do Avivamento, igreja ligada à Assembleia de Deus
Jorge Tadeu Mudalen-DEM-Internacional da Graça
Bruna Furlan-PSDB-Congregação Cristã no Brasil
Jefferson Campos-PSD -Evangelho Quadrangular
Missionário José Olimpio-PP-Mundial do Poder de Deus
Antônio Bulhões-PRB- Iurd
Pastor Gilberto Nascimento-PSC-Assembleia de Deus
Edinho Araújo-PMDB-Presbiteriana
Paulo Freire-PR-Assembleia de Deus
Roberto de Lucena-PV – O Brasil para Cristo



sábado, 30 de julho de 2016

CIDADE DE LONA

 Desde ontem esta na cidade o circo Kroner, ocupando uma quadra inteira. Parece ser dos grandes, julgando pelo numero de coberturas de lona; Planejava ir hoje, mas acabei passando da hora.



CAVERÁ COUNTRY PARK

 CAVERÁ COUNTRY PARK- ARARANGUÁ -SC
Santa Catarina sabe como fazer turismo além ter uma incontável quantidade de praias, investe forte em turismo, com amplos parques temáticos com oeste e muitos outros. Não consegui fotografar nem a metade, pois estava fechado. Só abe aos fins e semana;












MORRO DOS CONVENTOS

 MORRO DOS CONVENTOS-ARARANGUÁ - SC
O ensaio foi feito apenas na parte alta do morro. Eu tinha intenção de fotografar o farol, mas confesso que me decepcionou. A parte de baixo da praia será feita em outra ocasião.




quinta-feira, 28 de julho de 2016

NA REDE, NADA É O QUE PARECE

Parece tudo certinho! "webmailworld" Promete uma porção de facilidades e rapidez etc. Parece um site legal e é. Mas, na hora de instalar, ( na verdade é uma extensão para o Chrome ) Agora veja abaixo as exigências deles para baixar o aplicativo. Até funciona, mas, seu mecanismo de busca é trocado pelo deles, que tem anúncios deles etc. Além disso, tem acessos a todas as suas configurações e senhas armazenadas no Chrome.

Para encerrar: Todas as vantagens oferecidas, já são atendidas pelo Chrome. Então! Lembre, nada na rede é de graça!

terça-feira, 26 de julho de 2016

VIDA NO VERMELHO








segunda-feira, 25 de julho de 2016

VIDA PARALELA CAP.1


A ARMADURA.

Eu vou andando tranquilamente e ao atravessar a rua, sou atropelado e morto. Então começo a flutuar suavemente e vejo meu corpo estendido, dilacerado numa poça de sangue. Pessoas correm e cercam meu corpo. Então aos poucos me afasto e me vejo rodopiando em um imenso túnel com uma luz muito forte ao final. Esta é uma narrativa comum a pessoas que passaram por experiências de quase morte ou que estiveram literalmente mortas e foram trazidas de volta a vida pelos médicos. Um caso ocorrido em um hospital canadense de paciente em estado terminal de câncer, que foi trazido de volta pelos médicos, chegou a fazer com que hospitais e faculdades de medicina dos Estados Unidos e Europa, criassem um grupo de estudos para responder se afinal nossa consciência persiste após a morte e por quanto tempo.

Ninguém conseguiu voltar após a tal luz, no fim do túnel. Mas, aparentemente estas narrativas são por demais coincidentes o que leva a crer que talvez signifique uma transição entre nosso corpo material e o imaterial. É possível que sim e se for assim, significa que ao perdermos nossa armadura, (o corpo material) seguimos em frente procurando entender os acontecimentos, pois estivemos até agora, presos as nossas limitações físicas.Logo percebemos  que estamos inteiros e saudáveis, apenas despojados do veículo que nos permitiu enfrentar as leis físicas da dimensão (B). Claro que não sabemos como as coisas se comportam a partir daqui. Se na dimensão (A) não existem as leis físicas que conhecemos, talvez existam outra forma de tais leis. Mas, de qualquer forma abre-se aqui uma possibilidade tão espetacular quanto intrigante.

Apenas então, viver na dimensão (B), significa apenas o cumprimento de uma necessidade lógica. Até aqui, temos uma serie de explicações para fenômenos até então sem resposta.

1- Pessoas afirmam terem visto conhecidos que já morreram. Existem vazamentos entre universos. A ciência pensava até pouco tempo, que a força de gravidade vazava de outro universo para este. Agora sabe-se que é o contrário, isto é, vaza daqui para outro universo.Ok! Então porque não haveria vazamentos de uma dimensão para outra? Eis aí os nossos fantasmas.

2- Se a antimatéria ocupa 74% do universo, tudo o que existe de matéria já extinta desde que dito universo foi formado, na dimensão (A), está lá, conservado, livre da decomposição física natural da dimensão (B). Isto explica também os buracos negros, que podem ser uma espécie de ralo por onde desaparecem os dejetos de corpos celestes e até galáxias mortos.

3- É possível que nossos velhos amigos dinossauros afinal estejam por lá, vivos e gozando de perfeita saúde. Espero que sejam dóceis e não precisem comer, posto que sejam energia. Mas, também não poderão nos causar qualquer dano.
FOTOGRAFIA KIRLEAN - Na imagem maior, a aura a partir do dedo polegar, nas imagens menores, uma folha vegetal e uma moeda.

4- Quando surgiu a fotografia Kirlean, (processo eletro magnético de obtenção fotográfica) dizia-se tratar-se de fotografia da alma. Logo depois descobriu-se que uma moeda ou uma pedra tinham também uma alma. Impossível?  Não! Se toda a matéria tem uma cópia, uma moeda, uma pedra etc. Tudo o que existe tem uma alma? Sim, se dermos este nome a antimatéria. Então finalmente a fotografia Kirlean, é sim, fotografia da alma. É possível que dito processo fotográfico, capte a energia da antimatéria mesmo que esteja em outra dimensão.

5- A eterna juventude, pode ser uma das grandes surpresas. Não sabemos ainda se a antimatéria é afinal eterna ou não, mas de qualquer forma tem-se como certo que, livre de toda e qualquer lei física, tenha uma duração quase ou infinita. Mas, a grande surpresa, pode estar em nós mesmos. Imaginemos que eu morra aos 100 anos, encolhido, cheio de rugas e mal podendo me mexer. Agora, na dimensão (A), me vejo jovem novamente, como era aos 21 ou 22 anos, quando meu processo de crescimento cessou. Igualmente surpreendentemente acontecerá com pessoas obesas, estarão jovens e elegantes, nem se reconhecerão.

6- O domínio sobre o nosso cérebro é limitado a 10% na dimensão (B). Imagine que agora, na dimensão (A), sem as limitações do copo físico, tenhamos 100% deste domínio, significa que seremos como semi-deuses, capazes de prodígios inimagináveis ao nível da matéria. Seremos, talvez, capazes de simular várias das ações a que estamos acostumados no mundo material.

7- Porque pacientes que tiveram membros amputados, continuam a senti-lo por algum tempo como se ainda estivesse inteiro? A resposta me parece óbvia. Na dimensão (A), tal membro não foi afetado. Leva portanto algum tempo até que consigamos nos conformar com a ausência do membro extinto na dimensão (B). Como não temos comunicação direta com nosso corpo na dimensão (B), levamos algum tempo a perceber sua falta.

Na próxima etapa vamos analisar outros aspectos e fenômenos que podem ser explicados se atentarmos para o fato de que do ponto de vista material, não há como explica-los.

quinta-feira, 21 de julho de 2016

Funny Photos challenge




Fotografias participantes do desafio Funny Photos Challenge. No GuruShots:https://gurushots.com/challenges/my-challenges/current